Eu voltei... e agora é pra ficar!

Depois de um longo e tenebroso inverno no limbo dos sites que perderam o domínio, o Sem Pauta está de volta ao ar!

Aeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee

Foi um processo longo. Quando os jornalistas de CRIA viram que o site não funcionava mais, eles entrarão em pânico, choraram ligaram para a mãe e para o Homem Cueca, mas nada adiantou. O site simplesmente não queria obedecer mais a gente e sumiu, desapareceu, escafedeu-se.

Começou então uma longa busca pelo domínio perdido. Foram milhões de e-mails enviados, contas hackeadas, senhas perdidas. Enfim, foi o verdadeiro caos.

Fato é que o Sem Pauta está de volta e o post de hoje é só para comemorar isso. Cara, a gente sentiu muita falta daqui...

[fogos de artifício]
[/fogos de artifício]

Bom humor demais atrapalha

Tá todo mundo mais do que careca de saber da importância de usar camisinha na hora de transar. E não vai ser o Sem Pauta que vai ficar dando liçãozinha de moral em ninguém, até porque ninguém mais precisa disso, não é mesmo?

O que o Sem Pauta vem mostrar aqui é que tudo você trazer coisas novas para o sexo, mas peloamordedeus, não inventa tanto. Saca só os exemplos que serão dados aqui embaixo:

Se eu já odeio usar terno, imagina meu pau...

Porque essa camisinha promete fazer mágica com a sua varinha.

Sim, por incrível que pareça essas coisas são camisinhas o.O

Para evitar perguntas do estilo: Quantos centímetros tem?

Porque a mulherada deve adorar ver o cara brilhando...

Mas até então é tudo normal. Quero ver é você dormir depois de assistir a esse trailer. A camisinha assassina é real e pode estar dentro da sua gaveta... cuidado com seus dentes.



Mas se sua namorada for muito fã sua e não aguentar ficar sem olhar para você nem um instante, você pode encomendar camisinhas com a sua cara estampada na embalagem. Saca só que romântico:



Mas até nas coisas mais normais pode acontecer alguma coisa. Para encerrar esse post, dá uma olhada nessas propagandas estilo Desencannes:



Tastes like real fruit (tô sentindo dor até agora)

Preserve a si mesmo


Quando sugeri o tema essa semana, foi totalmente na brincadeira, sugeri simplesmente pelo fato de ter um cartaz com essa palavra escrita próximo de onde o núcleo de jornalismo estava se reunindo.

Depois fiquei pensando sobre o que escrever, meio ambiente foi a primeira coisa que me veio em mente, mas logo vi que não falaria de nada de novo. Provavelmente produziria um texto com coisas que todos estão cansados de saber, não traria nada de novo...

Foi aí que tive o que eu gostaria de chamar de uma epifania - até parece! - vi o que estava na minha frente todo esse tempo, o que temos que preservar antes de qualquer coisa somos nós mesmos. Não me entendam mal, não estou falando que devemos pensar única e estritamente em nós, eu não sou do tipo egocêntrico, para falar a verdade eu sou do tipo de pessoa que acaba fazendo coisas que não quer pelo simples medo de magoar alguém, de deixar alguém na mão.

O que eu estou dizendo é que as vezes, é bom, muito bom para falar a verdade, pensar no que a gente quer antes de pensar nos outros. As vezes é bom deixar de fazer uma coisa pelo simples fato de você não estar afim de fazer. As vezes é bom lembrar que é bem improvável que as pessoas deixem de fazer o que elas querem por você, lembrar que nem todo mundo se coloca no lugar do outro, que nem todo mundo pensa igual a você. E que são por esses motivos, que o que a gente tem que preservar primeiro somos nós! Afinal de contas só assim que a gente recarrega as pilhas, e pode então "estar lá" para os outros quando eles precisarem de nós.

Não estou falando que ninguém deve ser uma ilha, só que as vezes é bom ter um tempo consigo mesmo, porque todo mundo sabe que a pessoa com quem vamos conviver durante todas as nossas vidas somos nós! Então porque não nos preservarmos!?